terça-feira, 16 de Outubro de 2018  23:43
PESQUISAR 
LÍNGUA  

Portal D'Aveiro

Mourinho Seguros Prescrição eletrónica (PEM), Meios Complementares de Diagnóstico e Terapêutica (MCDT), Gestão de Clínicas Publicidade

Inovanet


RECEITA SUGESTÃO

Arroz de Polvo

Arroz de Polvo

Limpe cuidadosamente o polvo, retirando toda a viscosidade e bata-o com um maço de madeira para o amaciar. Lave-o em ...
» ver mais receitas


NOTÍCIAS

imprimir resumo
17-05-2018

Ministro-adjunto Pedro Siza Vieira: “Não está em cima da mesa nos planos do Governo o aumento de aeroportos internacionais”



Na conversa mantida com jornalistas de vários pontos do País, Pedro Siza Vieira remeteu anúncios concretos sobre novas acessibilidades rodoviárias para o plano de investimentos que está a ser ultimado pelo Ministério do Planeamento e das Infra-estruturas e que irá a debate público. “Não sei se justifica ter vias em perfil de auto-estrada em certas regiões mas julgo que temos de ponderar o que ainda faz falta ao País em termos de acessos rodoviários e essa será a oportunidade, em discussão pública, para discutirmos a cobertura que ainda nos falta”, assumiu o governante.
Em termos de ferrovia, assume que a nova linha Aveiro-Viseu--Vilar Formoso não está a ser equacionada, bem como um novo aeroporto internacional na região Centro. “Não está em cima da mesa nos planos do Governo o aumento de aeroportos internacionais. Os municípios podem tomar a iniciativa, têm essa capacidade mas eu acho que, não querendo desencorajar a iniciativa que possa surgir e que possa ser reconhecida como importante pelos actores locais, acessibilidades internacionais a Portugal podem assegurar-se rentabilizando melhor as infra-estruturas que já temos e depois as deslocações internas são mais fáceis. Acho que é uma ponderação que os actores locais têm de fazer”, disse Pedro Siza Vieira. (toda a entrevista na edição impressa)


ACESSO

» Webmail
» Definir como página inicial

Publicidade

TEMPO EM AVEIRO


Inovanet
INOVAgest ®